6 de maio de 2013

Especial Dia das Mães - O Amor supera a Dor

O DIA DAS MÃES é uma das datas mais marcantes do ano. E neste mês, o Colégio PGD quer homenagear todas as mamães. Para isso, selecionou algumas histórias de superação, milagres, lutas e conquistas, de mães (PGD) que escolheram viver o desafio de criar filhos.

Marli, 40 anos, empresária, viúva
MÃE QUE TAMBÉM É PAI!

Meu nome é Marli Ferrareto, tenho 40 anos, estou viúva há dois anos e seis meses, tenho um filho adolescente,  José Norberto de 14 anos e, um enteado, José Henrique de 24 anos. Sou empresária no ramo da construção civil, onde junto com meu falecido esposo, Beto Ferrareto, construímos nosso lar, nossa família e nossa empresa.

A dor da perda ainda corrói meu coração. É bem difícil sobreviver sozinha. Mas, graças a Deus e aos meus filhos maravilhosos continuo minha jornada, renascendo a cada dia.

Ser mãe de adolescentes requer cuidados extras, são fases e mudanças difíceis e, é preciso saber como lidar com elas. Peço a Deus que me ajude a vencer cada obstáculo, a ser uma pessoa melhor e um bom exemplo aos meus filhos. Tenho consciência de que tudo o que eu  fizer ou deixar que eles façam terá reflexo intelectual e social sobre toda a vida deles. 


Ensino aos meus filhos que o princípio de tudo está em Deus; que a família é nosso bem mais precioso e precisa estar firmada nos conceitos do Criador. Tento, da melhor forma possível, mostrar aos meninos os caminhos para serem homens de bem, respeitados e conscientes de suas obrigações junto à sociedade e ao mundo que os cercam.

Juntos temos aprendido a vencer e driblar todas as adversidades e desafios que aparecem em nossas vidas. Ensino que os obstáculos não permanecerão muito tempo; muito menos roubarão nossa paz se estivermos unidos num propósito maior. Nosso temor a Deus deve guiar nossas decisões, pois, se entregarmos nossas vidas a Ele seremos vencedores sempre.


Marli Dias da Mota Ferrareto
------------------------
A todas as mães que também assumiram as responsabilidades de pai...
Sófocles, o poeta grego, declarou que os filhos são para as mães como âncoras da vida. Permaneçam ancoradas nesse amor e colherão belíssimos frutos. Parabéns!!

0 comentários:

Postar um comentário